Busque sua Passagem Aérea

17 dezembro, 2009

Um novo ano, Novas atitudes!!!!

O blog entra de férias, mas em breve estarei de volta.
Deixo minha mensagem com carinho a todos vocês!!!!
Um grande beijo a todos!!!!!!

Para você ganhar belíssimo Ano Novo...
Não precisa fazer lista de boas intenções
para arquivá-las na gaveta.

Não precisa chorar de arrependimento
pelas besteiras consumadas nem
parvamente acreditar que por decreto

da esperança a partir de Janeiro
as coisas mudem e seja claridade,
recompensa, justiça entre os homens e as nações,

liberdade com cheiro e
gosto de pão matinal, direitos respeitados,
começando pelo direito augusto de viver.

Para ganhar um ano-novo que mereça
este nome, você, meu caro, tem de
merecê-lo, tem de fazê-lo novo,

Eu sei que não é fácil mas tente,
experimente, consciente.
É dentro de você que o Ano Novo
dorme e espera desde sempre.



***********************





13 dezembro, 2009

Mulher arco-íris


Sou a mulher que brilha
abraçada em um arco_íris
Lutando pela vida
Vou distribuindo cores
Pelo trilhar de meus caminhos
........
Cores se espalha pela terra
trazendo lindas primaveras
Renovando o amor
Tornando meu arco-íris radiante
meus caminhos cintilantes
Precioso como os diamantes
.......
Mulher ou própria fada animada
vestes multi coloridas
são sete cores reunidas
que fazem da vida
um emaranhado de alegrias
.......
Cada cor um sentimento.
Cada cor uma ilusão
Cada cor um lembrança
Em uma cor a desilusão
.......
Se pinta de vermelho
Vira guerreira e poderosa
Vai a luta pela vida
Pela dignidade e pelo amor
E se cobre de rosa
És dama frágil e amorosa
.......
Mas não perde em suas cores
o desanimo esverdeado da ilusão
Radiante num jardim cheio de flores
colhe o entusiasmo amarelo sem solidão
para seus caminhos continuar
com canto e canção
.......Eis mulher arco-íris
vestida de vida
que traça sua trilha
com coragem destemida
sem medo da sua sina!

Autora: Andresa Araujo
Imagem: Web

Todos os direitos reservados

09 dezembro, 2009

A Cantar com os passaros

Muitas idas e vindas
Voltas pelo mundo
em marés baixas e altas
ergo-me das profundezas
Sem desanimo
A cantar com os passaras
em doces dias de verão
Nas asas da imaginação
Buscando na brisa
Acalentar minha solidão
com uma doce canção
por encontros e desencontros
muita chuva, raios e trovão
mas sempre haverá uma brisa
para suavizar as trilhas
dessa persistente nobre vida
Sem certeza :

Nunca sei onde vou...
Com orgulho :
Sei onde quero chegar ....
Na razão:
Nunca devo parar .....
Sou como sou
Deixando minha alma cantar
como os pássaros que migram
por esse mundo a voar.
Autora: Andresa Araujo
Imagen: Web
Direitos autorais reservados

04 dezembro, 2009

FOLHA DE ROSA

Folha de Rosa 

O amor
Que de ti dimana,
Diva celeste,
Amante esposa,
Me faz cantar
Em coro a serenata
neste deserto plano
Ou mesmo
No vale sombroso
Quando vem de ti
A voz tão encantada.

Folha de rosa,
Ò flor de amantes!


Bela e Formosa,

Em ti há sempre encanto
Folha de rosa!
Adoro ver teu retorno
Aonde foste sorriso e flor...
E a pensar em nosso
Sacro amor,
Sempre sinto e guardo
Uma pena de paixão,
Por ver-te em delírio
Ao ouvires
A minha canção.



AUTOR: ALVARO OLIVEIRALIVRO: SENTIMENTOS DE SOLIDÃOIMAGEM: WEB

30 novembro, 2009

O Vento


A brisa bate em meu rosto
A chuva molha os campos
A neblina traz meus pesadelos
Eis que a solidão me enlaça

No sonho me adormeço
E esqueço quem sou
onde estou
por onde andei
e por quem chorei ...

Tentei voar
mas não achei assas
queria vagar sem direção
sem tirar o pé do chão
parecia apenas doce ilusão

O vento chegou suave
Soprou com seu alento
me tirando do chão
levou-me para seu aposento
no ceu de sua calmaria

Hoje sem medo da noite fria
aguardo o vento e a brisa
que faz da minha vida
alem de sonhos e fantasias
sentimentos e muita magia.

Autora: Andresa Araujo
Imagem: web
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98

27 novembro, 2009

5 revelções


REVELAÇÕES

Recebi do amigo FURTADO o desafio de completar estas cinco frases.

Eu Já...
Eu nunca...
Eu sei...
Eu quero...
Eu sonho...

Estas são minhas respostas:

Eu já não tenho mais paciência com a Hipocrisia
Eu nunca deixarei que atrapalhem meus sonhos
Eu sei que tudo tem sua hora, e a hora da maldade acabará
Eu quero que todo ganancioso corrupto um dia passe na pele o que causou a muitos
Eu sonho com a justiça e mansidão

DEIXO A SEXTA FRASE DE DESAFIO:



EU PRETENDO:

As regras são designar cinco blogs, que devem indicar de quem receberam o convite.
http://anamgs.blogspot.com/ PELOS CAMINHOS DA VIDA

http://fotos-susy55.blogspot.com/ FOTOS SUSY

http://sabrinanoureddine.blogspot.com/ SABRINA

http://comecardenovopt.blogspot.com/ COMEÇAR DE NOVO

http://rebelhde.blogspot.com/ REBELDE


Gostaríamos de deixar bem claro que o fato de termos indicado somente cinco amigos, deu-se ao fato da exigência da regra, porém, a mesma regra, não nos impede de estendermos o desafio a todos os nossos amigos seguidores, bem como, a todos aqueles que nos visitam e estão sempre acompanhando o nosso trabalho, o que muito nos honra.

Beijos,
Andresa

24 novembro, 2009

Dança dos Sete Véus

www.vidaviagemebagagem.com.br

Musa que dança na vida
na busca da calma e serenidade
Sob os sete véus que balançam
ao som da musica que encanta
deixando a leveza mexer o corpo
Sinuosamente
no compasso
dominando o quadril
sempre em sinfonia
como o rosto encoberto insinuo o desejo
deixo os olhos falar em segredo
no compasso da dança
vou jogando os véus
sete a desnudar meu corpo
sete mistérios revelados
sete desejos conquistados
O véu azul deixo o vento levar
e consigo toda tristeza acabar
O véu amarelo o sol eis de iluminar
para novos caminhos enxergar
O véu branco jogo para o mundo
cubro as guerras para a paz declarar
O véu negro com esplendor
encobre toda escuridão
Em um giro lanço o verde
que o desmatamento faz parar
Eis que com carinho
retiro o laranja e com ele
se vai a fome
O vermelho com sensualidade
tiro do peito
lanço com ele
amor e paixão
sonhos desejados
para viver mil e uma noites

em um mundo encantado.
Autora: Andresa Araujo
Imagem: Web
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98

12 novembro, 2009

Donzela e a Rosa


Em vasto campos floridos
rosas, cravos e margaridas
eis donzela perdida
misturada a delicadeza
das rosas em sua volta
esbanjando aramo de jasmim
secreta
encantada
liberta

simplesmente misteriosa
de olhar penetrante
deslumbrada pela beleza
dos eternos campos floridos
que exalam puro amor
andando na paz
caminhando na ternura
em passos certos
tons de liberdade
sentimentos ao vento
olhar sempre atento
fixado nas maravilhas da vida
tocando as rosas
sem se machucar com os espinhos
sabendo apreciar
tudo o que lhe é devido
até os espinhos
que protegem
a delicadeza e a vida
da tão
apreciada rosa!



Autora: Andresa Araujo
Imagem: Web
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98

08 novembro, 2009

Meu Olhar

www.vidaviagemebagagem.com.br
Sempre olhar simples
Humano de menina mulher
Sente e sabe o que quer
Um olhar transparente
que acalma
Sincero proveniente d`alma
Olhar que toca e invade
a alma de quem nele se olha
Busca ver além do horizonte
a imagem da vida que nele se forma
Nos olhos um fogo
chama que queima inebriante
mas sempre muito tocante e gentil
que enfrenta sem desvio
Que faz desejar
que domina e faz imaginar
o mistério que nele se há
Olhando para o infinito
mas atendo para o seu redor
Olhar sempre mudo
mas no silêncio fala tudo
sem preferir palavras
Este é meu olhar
misterioso e fixado
Um olhar atento
para a vida
que sei prezar


Autora: Andresa Araujo
Imagem: Web
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98

03 novembro, 2009

Trajetoria


www.vidaviagemebagagem.com.br

Em minha dura trajetória
rica em aprendizado
andei por muitas ruas
atravessei vales e montanhas
Percorri caminhos de esperança
Muitas vezes entrei em becos
de tamanhas tristezas
Cansada, descansava no leito da lembrança
Naveguei na solidão
Cultivei flores do amor e amizade
Andei perdida e desesperada
Sem ter quem acalme esta dor
Ri, chorei, gritei de alegria
Amei,
Sonhei,
Lutei,
Realizei
e aqui cheguei...
Estava perdida
mas me encontrei
Traçando uma nova rota
nesse mar que prende e liberta
mas sempre com coragem
para um novo caminho desbravar
È a essência da vida
Sempre continuar...


Autora: Andresa Araujo
Imagem: Web
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98

22 outubro, 2009

Nobre Amizade


www.vidaviagemebagagem.com.br
Você chegou de repente
Mulher meiga e doce
carregando um coração nobre
de alma leve e transparente
com respeito
bateu em minha porta
entrou
com sorriso sincero
em suas mãos não havia
inveja...
egoísmo...
maldade........
nem propôs competição
apenas trazia consigo
uma amizade
pura e verdadeira
que me conquistou
que me emocionou
e por qual nutro
com carinho especial
essa amizade
que nasceu
em meios do fantástico
mundo virtual
hoje
agradeço
a bela, sincera
meiga amiga
por tal
amizade verdadeira!
******



19 outubro, 2009

Peregrino no Amor


Caminhando passos mansos e tranquilos
Pelo deserto da vida
Areia que escalda meus pés
O vento frio congelava meu corpo
Em Extremos opostos
Vou Atravessando
Dunas incessantes
Suportando tempestades de areia
Vou caminhando
Coberta de poeira
Horizonte infindável
Tão sozinha
nada por perto
Minha mente se confunde
Ilusões e miragens
Avisto um oásis
Real ou miragem?
Certo ou errado?
Verdadeiro ou falso ?
Já cansada da caminhada
Sol que queima minhas lágrimas
Em uma ultima tentativa
Corro para esse oásis
Que de repente apareceu em minha vida
Não era miragem,
Tinha Uma palmeira verdejante
Um peregrino viajante
Em sombra fresca
Ofereceu-me sua água
E saciou minha sede
Mergulhei na frescura do amor
Para trás, deixei a dor
Passado enterrado na areia
Esqueci o deserto da vida
Hoje peregrino no amor!
Autora: Andresa Araujo
Imagem: Web

13 outubro, 2009

A Espera



A espera

" Subi ao alto
Do meu castelo,
A contemplar o mar
O prado, a montanha!
Dirigi o meu olhar
A te procurar
Mas sem te encontrar!
Em que longínquas paragens
Poderás tu andar,
Sem rumo, sem norte,
Ou Amor que conforte?
Esperei na tarde....
A tua chegada.
A espera fiquei....
Na noite gelada.
Meu sonho morreu,
Ao romper da alvorada.
Ficou-me a solidão
Da noite fechada"




Imagem:Web
Autor: Álvaro Oliveira
Livro: Sentimentos de Solidão

Este poema, foi retirada do maravilhoso livro que estou lendo no momento, intitulado: " SENTIMENTOS DE SOLIDÃO" do autor e amigo ÁLVARO OLIVEIRA. Vou confessar que pelo jeito vou passar noite a dentro mergulhada em uma deslumbrante leitura.

Estou nas primeiras paginas, mas o coração transborda em meio a tantos sentimentos.
Deixo aqui meus parabéns a Álvaro Oliveira por essa obra encantadora e magnifica!

06 outubro, 2009

Na calada da noite

Na calada da noite preta
cabelos estendidos
como manto da escuridão
no telhado da velha mansão
Asas abertas
em voo solitário
nas curvas da madrugada
Dentro de mim
natureza predadora
amada sem alma
só o sangue que me acalma
procuro vítima incerta

de sangue ardente em suas veias
doce, intenso,constante
levo para o profundo luar
num beijo profundo

retira o ar de teus pulmões
alimentando minha alma
saciando meus desejos
mais obscuros da escuridão
insanos, ardentes
embaralhando teus sentidos
Desintegrando tua lógica
abalando tuas estruturas
Desnorteado, sem rumo
mas querendo estar ainda mais perdido
em tão agradável dor
Sensual, de malícia e horror
em cada gole
uma inspiração
em cada gole
a eternidade oferecida
levo-o comigo
para o telhado da velha mansão



Autora: Andresa Araujo
Imagem: Web
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98

02 outubro, 2009

Voar Comigo

Pronta para decolar
como águia que corta o céu
destemidamente
a procura de sua preza
não temendo o desconhecido
decolando ao infinito
ultrapassando os limites

num voo rasante
sem instrumentos
de olhos atentos
com o objetivo de te encontrar
para deste mundo te retirar
sobre minhas asas brancas
comigo poder voar
rumo ao horizonte
sem destino
sem rumo
sem medo
atravessando fronteiras
penetrando na densa floresta
para sentires a liberdade
para flutuar na gravidade
encontrando o elo perdido
num mundo sem volta
renascendo
em sentimentos nunca vividos
simplesmente sentir
o que significa viver
sem ilusão
na
mais pura emoção
uma doce paixão
de êxtase e prazer
Voe comigo
e não irá se arrepender
Anjo, Ave ou avião
fica sua decisão

Autora: Andresa Araujo
Imagem: Web
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98

28 setembro, 2009

Sou Mulher Tempestade


Sou mulher da tempestade,
que chega sem avisar
com chuva e trovoes
raios e explosões!
devasto sua vida;
em êxtase você ficaMeu jeito te amedronta!
mas sou apenas pura paixão!Sem regras e sem razão
sem limites e com devoção
Eliminando as barreiras

vou obedecendo o que manda
meu coração
Sou o raio que risca o seu céu

atingindo e explodindo seu coraçãoSou a fúria dos céus
rasgando suas nuvens ....
impedindo de se defender
Tempestades ...Ventanias
Você não vai se arrepender
Nada fará você se esquecer!
Quando a chuva te tocar
Você não vai sentir

e o vento vai te levar...
para meu vendaval

um sentimento que alucina
Todo esse espetáculo te domina!
Carregada e nebulosa
Como um mar em fúria

sou bem perigosa
um furacão que passa e te devasta
Sou luxúria ,vendaval de paixão

a natureza em fúriae seu medo virará desejo
quer fugir mas não consegue
Sou sua chuva de verão...
A sua louca tempestade que te enche de paixão!

22 setembro, 2009

Doce olhar


Procuro

E eis de encontrar
Um olhar que tenha o brilho do sol
E que a mim possa irradiar
Iluminando minha vida
na mais doce sintonia
do campo de meu habitar.

Um olhar que tenho o sorriso das flores

e as alegrias do cantar do sabiá.
Aquele olhar que vê com o coração
e toca direto na alma .
Que como trovão em tempestades
posso me perturbar
e todos os meus sentidos aguçar.

                                           Um olhar que me deseje


como o anseio de um sonho alcançar .
Um olhar que em meio a todos,
não desvie sua direção
e me entregue completa sua atenção
como a lua faz com o luar.
Aquele olhar que refrigere a ansiedade
e aqueça minha alma
como uma lareira em dias frios .
Procuro um olhar que se cruza
em dias de primavera
e em meio de tantos encantos
me aprisionena masmorra de seu castelo
para eternamente ficar
prendida no seu doce olhar!

Andresa Araujo
Imagem :Web
Direitos autorais reservados lei 9.610 de 19/02/98

16 setembro, 2009

Na sua teia


Presa em sua teia

enquanto o luar serpenteia
Enrolada nos fios de sua poesia
Enroscada nas linhas de sua fantasia
Sem reação
Sem defesa
inocente
Apenas uma presa

Que se entrega

Despida da malícia profana
Sentindo o toque de suas patas
e o leve som de suas palavras
sendo o manjar de sua mesa
deixando sugar meu sangue
até que secar minhas veias
Seu tom penetra em minha pele
neste seu verso
que entra no meu pulso
Vibro
Tento
sou atacada
os nós não se desatam
quanto mais tento
minha liberdade conquistar

emaranho-me mais

nada mais faço para escapar
e em suas teias
ei de eternamente
morar.

Autora: Andresa Araujo
Imagem: Web

11 setembro, 2009

COMEMORAÇÃO NO BLOG

O blog coisinhasdebibiba , nasceu em maio de 2009, tem neste momento
apenas 5 meses de trajetória .
Dentro desse pouco tempo, fiz amizades
inesquecíveis, ganhei amigos adoráveis os quais me inspiraram muito, fui surpreendida por lindos comentários e homenagens!!!
Sem esperar tantos acontecimentos maravilhosos , sou hoje surpreendida por
alcançar:

5000 Visitas ( em tão pouco tempo!!!!)

Isso devo a todos que me prestigiaram , por aqui passaram, e fizeram parte dessa pequena trajetória.
Assim ofereço esse selo com símbolo do meu carinho e gratidão!!!


A todos :

Photobucket

Tanto carinho recebi , que me vi obrigada a mais um blog abrir, para postar todos os mimos recebidos e para os que ainda irão vir... Apresento: http://coisinhadebibibamimos.blogspot.com/

Bom, muitos me perguntam o porque coisinhasdebibiba, então vamos lá: O nome foi uma maneira de homenagear minha princesinha querida, a sobrinha amavél, que não conseguia me chamar pelo nome , apenas soletrava " bibiba" ..... e assim ela me chama a 2 anos....

O encanto da Sereia


Deitada sobre as pedras
Das remotas ilhas serenas
Eis-me sereia mulher
De caldas encantadas
Meiga, dócil e sedutora
frágil, esperta e formosa
Vivo ao sabor dos verdes mares profundos
A traçar cantos de enfeitiçar
Até a brisa faço sonhar
Deixando saudades no belo luar
Um navio eu ei de naufragar
com o encanto sereno de meu nadar
na magia do meu cantar
um marinheiro vou encantar
envolvendo-o em minha calda
num mergulho para fundo
levarei para o meu mundo
desfrutar o calor dos mares profundos
e ao meu lado
irás sempre querer nadar
no seu navio , não vais querer retornar
sobre pedras ficarás a contemplar
a espera do meu cantar
para sem descanso saborear
o encanto da sereia
em profundo mar.



Autora: Andresa Araujo
Imagem: Web

09 setembro, 2009

Amazona em sua cavalgada


Amazona, guerreira da luz e do amor
Alada em meu cavalo branco
De crinas longas cintilantes
Bravamente cavalgando
Em berço verdejante
Nas gramas molhada pelo orvalho
Das lágrimas da noite de luar
hábil no reio de meu cavalo
Que em galopes saiu a procurar
No silencio da mata densa
O cavaleiro negro a reencontrar
Para juntos novamente
No vale da paixão cavalgar
Cavalgo em saudade
Dominando a miragem
Quando o leve som das ferraduras
Começo a escutar
Com passos lentos e graciosos
em tua direção vou a galopar
Ansiando com desespero, querendo te dominar.

Descansando desta árdua cavalgada,
No bosque, entre a beleza de arbustos e flores.
Enfim desnudamos o n
osso ser
Entre sonhos e fantasias
Suspiramos a cantar
Como versos que viram poesia.

No ar um cheiro de desejo contido,
De todo prazer até aqui escondido.
Quando os primeiros raios do alvorecer
Nos desperta espírito em chama ardente
Saímos a calvagar para esse mundo
Novamente desbravar



Autora: Andresa Araujo
Imagem : Web

03 setembro, 2009

Sou Mulher

Sou mulher , de vida e alma.
De um lado uma flor, do outro uma águia
De um lado a delicadeza, e do outro a garra
As vezes prefiro ser abelha que carrega o seu pólen
ou a borboleta que voa para te encantar
Sou os olhos da coruja
Que mesmo em noites escura,
sei te enxergar
Tenho um lado cigano e outro de fada
Um que encanta e outro que enfeitiça
De um lado, mulher que atiça
do outro, a que conquista
Não me curvo, não murcho
e como um tigre sei lutar
Destemida e Valente
não tem como me abalar!
Sou mulher que dança e encanta
e que simplesmente ama !!!
Sou a que tem um brilho forte no olhar
e com magia eu vou te conquistar!
Na boca um beijo doce sei dar
No coração trago a magia de adocicar
Mas sou mulher de um ponto fraco
e este eis de te contar
Quando recosto no conforto dos seus braços
um pássaro indefeso começo a me tornar
recolho minhas assas
e nem penso em voar
entre palavras que me façam arrepiar.
Inerte fico a suspirar...
Em noites de lua cheia
Num convite para dançar
Uma Deusa em seu braços
agora vou me tornar!


Autora: Andresa Araujo
Imagem: Web

28 agosto, 2009

Feiticeira


www.vidaviagemebagagem.com.br



Sou mulher Feiticeira,
Vestida de cores brilhantes
De um mundo distante
Num olhar misterioso
Traço sua estrada prometida
Enfeitiçando seu luar
Nas estrelas te faço iluminar
Abraçando-te com minhas asas...
Enternecendo-o de carinho
Enfeitiço-te com meu doce caminhar
Faço sentir-se em um oásis
quando lanço meu manto sobre teu corpo
De luz despida,
Em plena sintonia,
Nos amamos na lua .
Tentas chamar meu nome ,
Não o sabes...
Não me conheces...
Apenas espera por mim

em cada noite de lua cheia
para mais um feitiço encantado
poder viver !
Autora: Andresa Araujo
Imgem: Web

27 agosto, 2009

27 AGOSTO DIA DO PSICÓLOGO

A minhas queridas amigas psicólogas: Ninguém entende a mente humana melhor do que vocês.Haja capacidade e responsabilidade... Que aliás, vocês tem de sobra!Parabéns pelo seu dia!!!!! .




Ser Psicólogo, é ouvir, é sentir o que o outro sente, sem se deixar influenciar por estes sentimentos
Ser Psicólogo, é ser investigador
Ser Psicólogo, é mostrar ao outro aquilo que muitas vezes ele não deseja ver, e que em outras ele deseja mas não consegue
Ser Psicólogo, é tentar estar livre de preconceitos
Ser Psicólogo, é possuir a chave que abrirá muitas caixas de segredos
Ser Psicólogo, é ter a possibilidade de colocar-se no lugar do outro e poder voltar
Ser Psicólogo, é ver o mundo com outro olhar
Ser psicólogo é uma imensa responsabilidade.
È também uma notável dádiva de desenvolver
o dom de usar a palavra, o olhar, as expressões e até mesmo o silêncio.
O dom de tirar lá de dentro o melhor que temos para cuidar, fortalecer, compreender, aliviar. Ser psicólogo é um ofício tremendamente sério.
Mas não apenas isso, é também um grande privilégio. Pois não há maior que o de tocar no que há de mais precioso e sagrado em um ser humano: seu segredo, seu medo, suas alegrias, prazeres e inquietações.

É poder desfrutar de uma inefável bênção
que é poder dar a alguém o toque, a chave que pode abrir portas
para a realização de seus mais caros e íntimos sonhos.
Ter o privilégio de tantas vezes ter sido único na vida de alguém
que não tinha com quem contar para dividir sua solidão,
sua angústia, seus desejos.

Ser psicólogo é sempre aprender a ouvir sem julgar,
ver sem escandalizar, e sempre acreditar no bem.
Mesmo na contra-esperança, esperar.
E simplesmente ter o privilégio de viver
para ajudar as pessoas a serem mais felizes
e faze-las compreender que isso só começa quando a cada um consegue realmente se conhecer e se aceitar.
Oração dos PsicólogosSenhor, Só Você conhece em profundidade a criatura humana
Só Você é verdadeiro psicólogo.
Contudo, Senhor, aceite-me como seu ajudante.
Ensine-me as técnicas, oriente-me para não errar,
E quando eu falhar - sei que isso acontecerá -venha depressa, Senhor,
sanar o mal que fiz.
Dê-me um entranhado amor e respeito pela criatura humana.
Não permite que a rotina, o cansaço torne-me frio e indiferente ao outro.
Dê-me bastante humildade para aceitar meus erros,
perdoa as ofensas e ajuda-me a atribuir os êxitos a Você.
Que no fim de cada dia, ao fazer minha revisão,
eu possa dizer em verdade:
Hoje fiz tudo quando dependeu de mim para ajudar ao meu irmão.
Obrigado
,

Uma homenagem do blog: