Busque sua Passagen Aérea

24 julho, 2009

Cultivar Rosas


Me perdi em um jardim
Onde havia lindas rosas vermelhas
Beleza que encantava os olhos
Perfume que envolvia.
Era um paraíso
Um Reinado de Sonhos...
De repente senti uma dor
Passei as mãos em meus braços
E eles sangravam e ardiam...
Olhei em minha volta
E percebi que
As rosas podem formar
Um lindo jardim chamado paraíso
Que encanta com sua beleza e perfume
Mas não podem deixar
A companhia de espinhos,
Que ferem a pele
E deixam cicatrizes.
As rosas secam
E os espinhos sobrevivem.
Esse Reinado de Sonhos
É frágil
As rosas têm que ser regadas
A todo instante de esperanças e amor.
A imortalidade desse Reinado de Sonhos
Existe...
Basta saber a maneira certa
De Cultivá-lo.

5 comentários:

Vicky disse...

Hermoso poema Andresa , me a gustado mucho.

Te deseo un feliz fin de semana.

Besitos.

Rosemildo Sales Furtado disse...

Olá amiga! Passando para te desejar um ótimo final de semana e dizer que DEUS sabe o que faz. Dotou as rosas de espinhos, afim de guardá-las.

Beijos,

Furtado.

Paull disse...

É o tempo que perco com as minhas Rosas que as torna tão belas Beijos Paull.

Daniel Costa disse...

Que haja a certeza de haver o Reino dos Sonhos, tal como o das rosas. Na certeza, porém que também há espinhos a podar, caminhos a desbravar. Não basta sonhar, é necessário contribuir, com capacidade de sofimento, se necessário, para que os sonhos aconteçam.
Daniel

UMA PAGINA PARA DOIS disse...

A qualquer hora em que chegares,
sentarás comigo à minha mesa.
A qualquer hora em que bateres a minha porta,
o meu coração também se abrirá.
A qualquer hora em que chamares,
eu me apressarei.
A qualquer hora em que vieres,
será o melhor tempo de te receber.
A qualquer hora em que te decidires,
estarei pronto para te seguir.
A qualquer hora em que quiseres beber,
eu irei a fonte.
A qualquer hora em que te alegrares,
eu bendirei ao Senhor.
A qualquer hora em que sorrires,
será mais uma graça que o senhor me concede.
A qualquer hora em que quiseres partir;
eu irei à frente nos caminhos.
A qualquer hora em que caíres,
eu estenderei os braços.
A qualquer hora, em que te cansares,
eu levarei a cruz.
A qualquer hora em que te sentires triste,
eu permanecerei contigo,
A qualquer hora em que te lembrares de mim,
eu acharei a vida mais bela.
A qualquer hora em que partires,
ficarás com a lembrança de uma flor.
A qualquer hora em que voltares,
renovarás todas minhas alegrias.
A qualquer hora que quiseres uma rosa,
eu te darei toda roseira.
Eu te digo tudo isso, porque não posso imaginar
uma amizade que não seja toda,
de todos os instantes e para todo bem.

by: Cid Moreira

Desejo uma linda semana com muito amor e carinho.
Abraços
Eduardo